sábado, dezembro 1

De um lado o sol, do outro a lua


Espelhavam os meus olhos o sol que se punha no mar. Era verão, fim de verão. Todos os dias à mesma hora por ali passávamos a passo largo pelas veredas vincadas no restolho deixado da colheita do ano. Cada um, a sós com os seus botões, pensava nas suas vidas, nos seus problemas, em como os solucionar. Eu pensava em ti. Em ti e em todo o mal que me fizeste. Em todos os dias que passei contigo. Havia uma nostalgia mortal em cada passo que dava, uma mágoa que me desfazia o coração e me tirava a força das pernas, me fazia tremer as mãos, estremecer o corpo, me despedaçava o estômago e me encruzilhava a garganta sem que qualquer firme palavra pudesse sair. Felizmente ninguém me questionava, porque no final de contas ninguém sabia. 
Quando também tu sentires uma faca a apunhalar-te pelas costas todos os dias e todas as noites, como eu senti durante todos aqueles dias em que me perdi e poucas vezes me encontrei, amor, aprenderás de vez a amar. A amar mais e melhor. Como também eu aprendi, com tudo isto. 
Há coisas que nos fazem crescer muito. O pior da vida, muitas das vezes. Coisas que normalmente nos abandonam para nos dar uma lição valente de como saber fazer com que da próxima vez fique connosco aquilo de que gostávamos que não tivesse ido embora. Mas na melhor das hipóteses, há pessoas burras, como eu, que acreditam nos bons ventos, na mudança das pessoas para melhor. Que nunca condenam os outros sem antes lhes dar a oportunidade de se ajoelharem perante o crime e se entregarem pelos seus erros. Pessoas burras, como eu, que acreditam no amor eterno, mais do que na felicidade passageira. 
Que sofrem ao ver o sol se pôr enquanto as pernas tremem, mas que ficam felizes por olhar para trás e pensar que do outro lado do horizonte, está a lua para iluminar o caminho de regresso a casa.

Na verdade, só se desilude quem se ilude, mas também só é feliz quem faz pela felicidade.
Por tudo isto..
Fica e faz por ela. Por nós.

1 comentário:

  1. Oh meu deus..escreves cada vez melhor.Identifico-me com todas as palavras!Sabe mesmo bem ter alguém que sinta o mesmo que nós :) fã nº 1!

    http://igual-a-ti.blogspot.pt/

    ResponderEliminar