sábado, março 2

2Março, Manif


E com certeza que estes não são os piores tempos jamais vividos no nosso país - pelo menos não vejo ninguém descalço e com uma latinha de brazas para aquecer as mãos no caminho para a escola -, mas apesar de tudo esta frase simplifica a minha angústia quanto ao que se está a passar actualmente. Angústia não. Tristeza. Estudo eu no país que não vai ter a capacidade de me receber de braços abertos no mundo do trabalho, que não me vai deixar ser mãe na idade certa, construir os meus sonhos na altura em que eles existem, porque me cortaram as asas muito antes de aprender a voar. MUDANÇA! É o precisamos. Não de história com "Grândolas vilas morenas", porque águas passadas não movem moinhos. 

Grande amigo, grande manifestação em tão poucas palavras.
Foto: João Sousa




Sem comentários:

Enviar um comentário