sábado, abril 25

Recicle your mind | One







                                                               
Sábado à noite em casa? É sinónimo de quadros novos. Há imagens que seriam uma pena deitar fora juntamente com as revistas que já lemos e cujo destino será o lixo mais cedo ou mais tarde. 

É assim que lhes dou uso. As paredes do meu quarto agradecem.
Inspirem-se! 

                                                                       Instagram | Tumblr | Youtube 

quarta-feira, abril 22

Go Green | Hotéis Real

Por cada ser humano desnaturado, deveriam haver um número incontável de pessoas conscientes. 

Foi assim que o projecto Go Green nos fez sair porta fora dos Hotéis do Algarve em defesa de uma das relíquias da nossa região. A Ria formosa hoje dorme debaixo das estrelas e respira um bocadinho melhor graças ao lixo recolhido por cerca de cem colaboradores e voluntários que se juntaram por uma causa. 

Melhor que poder estar no lugar que me faz mais feliz à face da terra, é poder fazê-lo rodeada de pessoas que partilham do mesmo espírito que eu e por uma boa causa! 

Ficam algumas fotos que demonstram como é ser feliz a trabalhar. 


Patrícia Luz
22 de Abril de 2014

 Instagram | Tumblr | Youtube 
ile emoticon







p.s. Sim, encontrámos um frigorífico em pleno banco de areia. E sim, deu-nos uma trabalheira trazê-lo até terra. Lembrem-se que o ambiente é o coração de todos nós. Respeitem-no. 

sábado, abril 18

Friday night

E pronto, anda uma pessoa a reclamar do amor uma vida inteira e depois dás por ti indecisa entre a sweat que era do teu irmão quando tinha quinze anos ou a roupa da moda para ir jantar fora a um sitio qualquer aleatório e dai a  um bocado estás a ser recebida com espumante, fado e o cheirinho a comida caseira no forno. Não tem piada acabar sentada à mesa de uma sala em tons vermelhos, com velas por todo o lado, morangos, chocolate, vinho, e rosas. Rosas!Pensava que em pleno século vinte e um, as rosas estivessem em vias de extinção. Não me lembrava do sabor do gin, nem do frio dos profiteroles. 
E se depois disto continuo a ser uma casmurra resmungona, só posso dizer que sou uma casmurra resmungona com o coração um bocadinho pequenino mais morno. 

Da próxima envia mensagem a avisar. 
Tive frio ao esperar na porta.

Patrícia Luz
19 de Abril 2015



Mãos à obra




Tenho a mania de guardar todas as revistas de moda que me vem parar à mão. E porquê? 
Conto-vos em breve! 

Inspirem-se,
                                                                            Instagram | Tumblr | Youtube

quinta-feira, abril 9

Happy meal I




Para quem gosta de passar os tempos livres na cozinha a fotografar, como eeeeu, aqui vos deixo algumas fotos que tirei para vos servir de inspiração. 

Quem é que ainda não sabia que sou louca por fruta? mnhamiii!

Black bird



« Pássaros criados numa gaiola, acreditam que voar é uma doença»

Uma doença é voar sem sair do sitio. São as gaiolas que construímos para arrumar um coração despedaçado, sem que nos queiramos mais lembrar para onde foi a chave. Pior do que ser um pássaro, é ser-se um pássaro livre e aprisionado em simultâneo. 
Quase como solto, preso por uma linha infinita que nunca nos deixa esticar demasiado a corda até partir. A essa linha chama-se passado e esse é o meu maior problema. 


Patrícia Luz
10 de Abril de 2015

                                                                            Instagram | Tumblr | Youtube

terça-feira, abril 7

Morning

"Nunca ninguém vai ser melhor para mim do que eu mesma. Isso não faz de mim alguém mais cheia de razão, alguém que não erra e não sofre, de novo, muito pelo contrário, pois confesso: eu pago o preço de ser real e ele custa cada lágrima que me escorre do rosto como uma navalha. Mas depois passa. Faço um acordo com o calendário e quando me dou conta lá estou eu de novo a seguir a minha vida como se não tivesse vivido nada antes." Autor desconhecido







                                                                            Instagram | Tumblr | Youtube

segunda-feira, abril 6

Easter time

Fugir, 
Para parte incerta, para um lugar qualquer sem nome, sem tempo, sem horas. 
Ir só por ir. Ir sem ninguém. Ir por ninguém. 
Ir porque nos faz feliz. Ser feliz em ir. 

Fugir,
Do medo. Da monotonia. Da Vida. Das pessoas.

Fugir todos os dias.
Perder todo o tempo do mundo ...

Viver.
Livre!

Patrícia Luz
7 de Abril de 2015











                                                                    Instagram | Tumblr | Youtube